Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

NOTÍCIAS DE ARQUEOLOGIA

O Património é um bem comum... Preservá-lo só depende de cada um de nós...


Quinta-feira, 12.12.13

China descobre antiga arquitetura budista

Arqueólogos na Província de Shanxi, norte da China, descobriram um templo com 1,4 mil anos da história, onde uma coleção de estátuas de Buda esteve armazenada.

O santuário, rodeado por paredes esculpidas com nichos de Buda, é parte do complexo de Templo de Tongzi isolado em uma montanha próxima à cidade de Taiyuan, capital de Shanxi.

A estrutura foi construída em 556 durante a dinastia Qi do Norte (550-557), um período próspero para budismo, de acordo com os pesquisadores do Instituto de Arqueologia da Academia Chinesa de Ciências Sociais (ACCS).

"A estrutura é a única do tipo descoberta na China e elucida as primeiras esculturas de Buda", disse Li Yuqun, pesquisador do Instituto de Arqueologia da ACCS e arqueólogo principal na escavação.

Apesar de ter sido destruído em uma guerra em 1117, foram encontrados no templo um lote de estátuas bem preservadas. Uma de suas paredes foi esculpida com uma figura de Buda com mais de 20 metros de altura. Ela está irreconhecível depois de tantos anos, mas os arqueólogos desenterraram alguns resíduos que sugerem sua aparência original.

A estrutura também tem um mural de 2,6 metros datando da dinastia Tang (618-907), que é de grande valor como a mais antiga na região, segundo os arqueólogos.

Fonte: Xinhua (12.12.2013). China Rádio Internacional: http://portuguese.cri.cn/721/2013/12/12/1s176948.htm

Autoria e outros dados (tags, etc)

por noticiasdearqueologia às 21:42

Terça-feira, 26.11.13

Arqueólogos vão datar nascimento de Buda pela primeira vez

A tradição diz que Siddharta Gautama, e depois Buda, nasceu em Lumbini, quando a mãe viajava para casa dos pais. Durante o parto, ela terá agarrado os ramos de uma árvore. Agora, foi descoberta uma estrutura em madeira até aqui desconhecida.
Vestígios de uma estrutura encontrados no local de nascimento de Buda, no Nepal, vão permitir datar, pela primeira vez, de modo científico, a sua vida e a emergência do budismo no século VI antes de Cristo, anunciaram arqueólogos esta terça-feira.
Escavações efectuadas no templo Maya Devi, em Lumbini, permitiram encontrar vestígios de uma estrutura em madeira até aqui desconhecida, que data do século VI a.C., declarou o arqueólogo Robin Coningham, da universidade de Durham, no Reino Unido.
"É uma descoberta maior", acrescentou o responsável das escavações, dirigidas em conjunto com o nepalês Kosh Prasad Acharya, durante uma conferência de imprensa telefónica, organizada pela National Geographic Society em Washington.
"Temos a prova do mais antigo santuário budista do mundo e a prova de que este santuário estava consagrado em redor de uma árvore", afirmou o arqueólogo.
A tradição budista diz que Siddharta Gautama, posteriormente Buda, nasceu em Lumbini, quando a mãe viajava para casa dos pais. Durante o parto, ela terá agarrado os ramos de uma árvore.
Os arqueólogos perceberam, numa escavação sob um templo em tijolo, que esta estrutura escondia outra.
Furos para postes foram encontrados a delimitar um espaço "que foi sempre aberto aos elementos e nunca foi fechado por um tecto", afirmou Coningham.
A descoberta e análise de "raízes de árvores petrificadas mostram que este espaço era aberto porque na sua origem estava uma árvore", acrescentou.
A mais antiga estrutura relativa ao budismo em Lumbini datava do século III a.C., indicaram investigadores.
Lumbini, inscrito na lista do Património Mundial da Organização das Nações Unidas para a Educação, Ciência e Cultura (UNESCO), é um dos locais de peregrinação mais importantes do budismo, visitado por um milhão de pessoas todos os anos.
A religião budista conta perto de 500 milhões de fiéis em todo o mundo.
As escavações, cujos resultados são publicados na edição de Dezembro da revista trimestral “Antiquity”, foram financiadas pelos governos japonês e nepalês e dirigidas pelas universidades de Durham e Stirling (Reino Unido), em parceria com a National Geographic Society.
Fonte: (26.Nov.2013). Rádio Renascença: http://rr.sapo.pt/informacao_detalhe.aspx?fid=26&did=130615

Autoria e outros dados (tags, etc)

por noticiasdearqueologia às 21:18

Quarta-feira, 10.09.08

Descoberta estátua de Buda reclinado perto das ruínas de Bamiyan



 Uma equipa de arqueólogos descobriu a estátua de um Buda reclinado, de 19 metros, perto das ruínas dos célebres Budas gigantes de Bamiyan destruídos em 2001 pelo regime talibã, informou hoje uma fonte oficial.




 



 


Segundo Mohamad Zia Afshar, conselheiro do Ministério de Informação e Cultura, o monumento, datado do século III, foi descoberto na província central de Bamiyan por um grupo de peritos liderado pelo arqueólogo afegão Zamaryalai Tarzi.



"Além de encontrar a estátua, a equipa descobriu também cerca de 90 relíquias, incluindo várias moedas" do Reino grego de Bactria e da era islâmica, precisou Afshar.


O achado, segundo a fonte, ocorreu quando a equipa de arqueólogos procurava em Bamiyan a estátua de um Buda reclinado de 300 metros mencionada no livro de um peregrino chinês que visitou a região há vários séculos.


"Até agora, foram desenterrados o pescoço e o ombro direito da estátua", assinalou Afshar.


Desde que o regime talibã dinamitou em 2001 as duas estátuas de Buda, de 55 e 38 metros, datadas de há cerca de 1.500 anos, os peritos fizeram importantes descobertas arqueológicas no Afeganistão.


Em abril de 2007, um grupo de cientistas japoneses, norte-americanos e europeus descobriu pinturas a óleo em grutas próximas do local onde se erguiam as estátuas.


As grutas estavam decoradas com pinturas datadas dos séculos V a IX representando Budas vestidos com túnicas vermelhas e sentados entre folhas de palmeira e criaturas míticas.


Em 2006, investigadores alemães encontraram um fragmento de "sutra", ou versículo em sânscrito, sobre a mortalidade de todos os seres, que forneceu pistas sobre o mistério da criação das estátuas budistas que os talibãs destruíram.


Fonte: RMM (9 Set 2008). RTP:http://ww1.rtp.pt/noticias/index.php?article=362334&visual=26&tema=5


Autoria e outros dados (tags, etc)

por noticiasdearqueologia às 19:51


Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Pesquisar no Blog  

calendário

Setembro 2016

D S T Q Q S S
123
45678910
11121314151617
18192021222324
252627282930





Arqueo logos