Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

NOTÍCIAS DE ARQUEOLOGIA

O Património é um bem comum... Preservá-lo só depende de cada um de nós...


Segunda-feira, 03.10.11

Cerro do Castelinho dos Mouros é o monumento mais antigo do país

No Município de Alcoutim terminou a quarta campanha arqueológica internacional na fortificação do Cerro do Castelinho dos Mouros. Os trabalhfotoos vieram atestar a monumentalidade e excepcionalidade do sítio, tendo sido surpreendente a área e a altura ainda conservada. A autarquia de Alcoutim tenciona agora, por sugestão do IGESPAR, avançar com a classificação do Cerro do Castelinho dos Mouros.


As novas escavações permitiram observar a dimensão total do edifício, rodeado por uma muralha e com uma torre central. A imponência e monumentalidade da fortificação mantêm-se nas ruínas agora a descoberto. Definitivamente, a origem do edifício remete ao século I A.C.. É o monumento mais antigo e único no território português, tendo sido ocupado durante cerca de 100 anos, por cerca de cinco gerações de indivíduos.


Apesar da enorme quantidade de área a descoberto, o edifício demonstrou ser mais extenso do que o que se pensava, razão pela qual deverá realizar-se mais uma campanha no próximo ano.


O trabalho desenvolvido foi fruto da 1ª cooperação científica portuguesa-austríaca, no campo da arqueologia portuguesa.


Fonte: (22 Set 2011). A Avezinha: http://www.jornalavezinha.com/noticia.asp?idEdicao=256&id=12621&idSeccao=2288&Action=noticia

Autoria e outros dados (tags, etc)

por noticiasdearqueologia às 13:48

Terça-feira, 06.09.11

Cerro do Castelinho dos Mouros

 



A quarta campanha arqueológica terminou recentemente, mas os trabalhos vão continuar no próximo ano

CMA/JA


A quarta campanha arqueológica terminou recentemente, mas os trabalhos vão continuar no próximo ano


 


O IGESPAR (Instituto de Gestão do Património Arquitetónico e Arqueológico) já sugeriu à Câmara Municipal de Alcoutim para avançar com o processo de classificação do chamado Cerro do Castelinho dos Mouros, localizado junto à margem do rio Guadiana e considerado o monumento mais antigo do país.


A quarta campanha arqueológica internacional levada a cabo naquela fortificação terminou recentemente e


veio confirmar que a origem do edifício remete ao século I antes de Cristo. Trata-se de um monumento único e o mais antigo localizado no território português, tendo sido ocupado durante cerca de 100 anos, por cerca de cinco gerações de indivíduos.


As novas escavações permitiram observar a dimensão total do edifício, rodeado por uma muralha e com uma torre central. A imponência e monumentalidade da fortificação mantêm-se nas ruínas agora a descoberto. Estes últimos trabalhos vieram atestar a monumentalidade e excepcionalidade do sítio, sendo considerado pelos especialistas como surpreendente a área e a altura ainda conservadas.


Apesar da enorme quantidade de área a descoberto, o edifício demonstrou ser mais extenso do que o que se pensava. Por esta razão, a autarquia alcouteneja já garantiu que será realizada mais uma campanha arqueológica no próximo ano.


Recorde-se que estes trabalhos arqueológicos foram desenvolvidos no âmbito da primeira cooperação científica luso-austríaca, no campo da arqueologia portuguesa.


Fonte: (26 Ago 2011). Expresso: http://aeiou.expresso.pt/alcoutim-quer-classificar-o-monumento-mais-antigo-do-pais=f670160 / www.jornaldoalgarve.pt )

Autoria e outros dados (tags, etc)

por noticiasdearqueologia às 12:55


Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Pesquisar no Blog  

calendário

Setembro 2016

D S T Q Q S S
123
45678910
11121314151617
18192021222324
252627282930





Arqueo logos