Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

NOTÍCIAS DE ARQUEOLOGIA

O Património é um bem comum... Preservá-lo só depende de cada um de nós...



Terça-feira, 13.09.11

Fernando Real preside à Côa Parque

O secretário de Estado da Cultura mantém, ao que tudo indica, a nomeação de Fernando Real para a presidência da Fundação Côa Parque, em Vila Nova de Foz Côa. O antigo presidente do Instituto Português de Arqueologia (IPA) deverá ser empossado por estes dias.

 fotoO nome deste professor universitário e quadro do IGESPAR (Instituto de Gestão do Património Arquitetónico e Arqueológico) tinha sido apontado pelo anterior Governo para o cargo, mas a sua escolha nunca chegou a ser oficializada. «Não é uma surpresa, já que Fernando Real coordenou toda a construção do Museu do Côa, portanto conhece bem o terreno», disse Gustavo Duarte, presidente da Câmara de Vila Nova de Foz Côa, que


vai integrar o Conselho de Administração da Côa Parque como vogal não executivo em representação da Associação de Municípios do Vale do Côa. O autarca é o único elemento do CA formalmente nomeado até hoje, faltando ainda as secretarias de Estado do Turismo e do Ambiente designarem o segundo vogal não executivo e dar posse ao presidente. «Logo após a tomada de posse haverá uma série de reuniões de trabalho, que incluem o próprio secretário de Estado da Cultura, Francisco José Viegas», revelou Gustavo Duarte.


Criada em junho do ano passado, na véspera da abertura do Museu do Côa, a Fundação para a Salvaguarda e Valorização do Vale do Côa tem por missão proteger, conservar, investigar, divulgar e valorizar a arte rupestre do parque arqueológico e o Museu do Côa. De acordo com os seus estatutos, terá um património inicial de 500 mil euros, repartido pelos fundadores iniciais, a saber o Instituto de Gestão do Património Arquitetónico e Arqueológico (IGESPAR), com 275 mil euros; a Entidade Regional de Turismo do Douro (100 mil euros), a Administração da Região Hidrográfica do Norte (100 mil euros), o município de Vila Nova de Foz Côa (20 mil euros) e a Associação de Municípios do Vale do Côa (5 mil euros). Terá ainda um Conselho dos Fundadores, ao qual compete definir as grandes linhas de orientação da Fundação, um Conselho Consultivo e um Fiscal designado pelo Conselho de Fundadores para fiscalizar a atividade da Fundação.


Fonte (08 Set 2011). O Interior: http://www.ointerior.pt/noticia.asp?idEdicao=618&id=32228&idSeccao=7647&Action=noticia

Autoria e outros dados (tags, etc)

por noticiasdearqueologia às 12:46


Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Pesquisar no Blog  

calendário

Setembro 2011

D S T Q Q S S
123
45678910
11121314151617
18192021222324
252627282930