Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

NOTÍCIAS DE ARQUEOLOGIA

O Património é um bem comum... Preservá-lo só depende de cada um de nós...



Sábado, 03.10.09

Arqueólogos encontram objetos históricos na Cracolândia


Escavação foi feita em área onde funcionava um estacionamento.

No local, será construída a nova sede do Centro Paula Souza.





 Foto: Divulgação/Centro Paula Souza


Arqueólogos fazem escavações no local onde funcionava um estacionamento e que dará lugar à nova sede do Centro Paula Souza (Foto: Divulgação/Centro Paula Souza)





A área conhecida como Cracolândia, parte degradada na região central da capital paulista, guarda importantes vestígios históricos da cidade, segundo descobriram arqueólogos que escavavam uma área onde será construída a nova sede do Centro Paula Souza, entidade responsável pelas Escolas Técnicas Estaduais (Etecs) e Faculdades de Tecnologia (Fatecs) de São Paulo. 

No local onde funcionava um estacionamento, entre as ruas Timbiras, Andradas, Aurora e General Couto de Magalhães, foram localizados 2.344 utensílios domésticos do século XIX e vestígios das moradias e outras edificações que existiram no local.


“A cartografia antiga mostra que ali havia uma aldeia indígena, depois, no século XVIII, era uma zona rural, um grande sítio e, mais tarde, houve comércio e outras moradias”, afirmou o arqueólogo Paulo Zanettini, responsável pelos trabalhos realizados na área. “Os vestígios estão muito bem conservados”, acrescentou ele, segundo o qual não foram localizados objetos indígenas na área.

De acordo com o arqueólogo, as descobertas foram feitas numa profundidade de 80 centímetros a 1,5 metro da superfície. Entre os vestígios, há fundações de casas e de galpões de pequenas fábricas, de trilhos e ossos de animais que podem indicar que no local funcionou um abatedouro ou um curtume. Há ainda pedaços de louça estrangeira do século XIX, gargalos de vidro importado, ferramentas, materiais feitos de ossos de animais. “Naquela época, não havia lixão, aterro sanitário, então o lixo era jogado no quintal de casa”, explica o arqueólogo. 


 





Ferramentas antigas localizadas durante as escavações (Foto: Divulgação/Centro Paula Souza).


 




O trabalho de arqueologia começou no início do ano e durou cerca de seis meses. As peças encontradas foram encaminhadas a uma instituição no interior do estado para estudo e depois devem voltar para a capital. A intenção dos arqueólogos é que parte desse acervo seja exposto no novo prédio do Centro Paula Souza que será erguido no local das escavações.


 Eles também pretendem deixar visíveis alguns vestígios das construções que existiram no local. “Nosso objetivo é reconstituir o passado. Propor explicações a respeito do que a gente encontrou naquela área”, diz Zanettini. “Instigar o cidadão a refletir sobre a própria cidade”, acrescentou.

Os arqueólogos abriram cerca de 40 pontos de escavação na área de 6.870 metros quadrados, recolheram objetos e encaminharam um relatório para o Centro Paula Souza e para o Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) – bens arqueológicos são de propriedade da União - propondo que o trabalho na área seja ampliado e que pelo menos parte das peças sejam expostas na região onde foram localizadas. 


 


 


 


 


 


Novo prédio


A assessoria de imprensa do Centro Paula Souza informou que a entidade tem interesse em fazer uma exposição de parte das peças e que ainda não foi decidido se essa mostra será temporária ou permanente. No projeto do edifício, já há um mezanino reservado para a exposição.

O novo prédio vai abrigar a administração central do instituto, um centro de capacitação de professores, três auditórios (um para 300 pessoas, outro para 112 e outro para 70), refeitório, creche, quadra e estacionamento, além da Etec Nova Luz. Mais de 2 mil alunos e 600 funcionários devem circular no local.

O valor estimado da obra, que deve ser concluída até o final de 2010, é de R$ 57,7 milhões. Atualmente, o centro fica em um prédio centenário na Praça Coronel Fernando Prestes, na região central. 

A assessoria de imprensa do Iphan informou que o órgão vai analisar o relatório feito pelos arqueólogos e deve emitir um parecer sobre o destino dos elementos encontrados.

Fonte: (27 Set 2009). Globo.com: http://g1.globo.com/Noticias/SaoPaulo/0,,MUL1316838-5605,00-ARQUEOLOGOS+ENCONTRAM+OBJETOS+HISTORICOS+NA+CRACOLANDIA.html


Autoria e outros dados (tags, etc)

por noticiasdearqueologia às 23:19



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Pesquisar no Blog  

calendário

Outubro 2009

D S T Q Q S S
123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031