Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

NOTÍCIAS DE ARQUEOLOGIA

O Património é um bem comum... Preservá-lo só depende de cada um de nós...



Sexta-feira, 17.07.09

Escavações em Évoramonte, procuram a cidade pré-romana de Dipo...


Uma nova fase de escavações arqueológicas arrancou este mês em Évoramonte, histórica vila do concelho de Estremoz, para desvendar se existiu no local a maior cidade pré-romana do Sudoeste da Península Ibérica, conhecida por Dipo. 





"As escavações pretendem confirmar a tese sustentada por alguns arqueólogos de que ali se situou a cidade pré-romana de Dipo", disse hoje à agência Lusa o presidente da Liga dos Amigos do Castelo de Évora Monte (LACE), Eduardo Basso, instituição que propôs a realização dos trabalhos.


As primeiras escavações decorreram em Julho de 2008 e, agora, esta segunda fase decorre este mês e em Setembro, numa zona próxima da Ermida de Santa Margarida, exterior às muralhas medievais.


Os trabalhos, dirigidos pelo arqueólogo Rui Mataloto, da Associação PortAnta, contam no terreno com uma equipa assistida pela arqueóloga Catarina Alves e constituída por seis estudantes de arqueologia oriundos de várias universidades portuguesas e dos Estados Unidos.


A cidade de Dipo é mencionada como fazendo parte do itinerário romano, depois de Évora e no sentido de Mérida (Espanha). Segundo o presidente da LACE, este projecto vai ter continuidade durante vários anos, em colaboração com a Câmara Municipal de Estremoz.


As escavações decorrem com base num protocolo estabelecido entre a Câmara Municipal de Estremoz e a Associação PortAnta, a partir de uma proposta da LACE, contando com o apoio logístico da Junta de Freguesia e da Santa Casa da Misericórdia de Evoramonte.


Embora se desconheça a data da fundação de Evoramonte, os vestígios encontrados demonstram a sua ocupação pelos romanos. Conquistada aos mouros por Geraldo Sem Pavor, no século XII, a povoação obteve o primeiro foral em 1248, concedido por D. Afonso III.


Edificado no reinado de D. Dinis, o castelo de Evoramonte, monumento nacional, erigido num dos pontos mais elevados da Serra d´Ossa, está sob a responsabilidade do Instituto de Gestão do Património Arquitectónico e Arqueológico (IGESPAR).


D. Dinis, em 1306, ordenou a fortificação da vila, restando dessa campanha a cerca amuralhada e as portas dionisinas. Na localidade foi assinada a Convenção de Evoramonte, em 26 de Maio de 1834, que pôs termo à guerra civil de 1832-1834, travada entre absolutistas e liberais.


Fonte: (14 Jul 2009). Diário de Notícias: (15 Jul 2009). Diário de Notícias: http://dn.sapo.pt/inicio/ciencia/Interior.aspx?content_id=1307794&seccao=Biosfera




 

Autoria e outros dados (tags, etc)

por noticiasdearqueologia às 00:23



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Pesquisar no Blog  

calendário

Julho 2009

D S T Q Q S S
1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031