Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

NOTÍCIAS DE ARQUEOLOGIA

O Património é um bem comum... Preservá-lo só depende de cada um de nós...



Domingo, 26.04.09

Setúbal: Ossadas de 45 mulheres no antigo Recolhimento da Anunciada




 


As escavações arqueológicas iniciadas no passado mês de Janeiro no antigo Recolhimento da Anunciada que abrigava órfãs, viúvas e meretrizes, permitiram descobrir as ossadas de pelo menos 45 mulheres (recolhidas), anunciou a Câmara de Setúbal, escreve a Lusa.


 «Estamos a proceder à exumação dos 45 corpos de mulheres, entre os 18 e os 70 anos, que foram enterrados com muita dignidade e respeito, entre 1736 e 1836/37, nas quatro alas do claustro», disse a antropóloga Natalie Antunes Ferreira, durante uma visita às escavações no antigo edifício.


 


Mulheres desprotegidas socialmente»


«A maior parte das mulheres tem grinaldas de flores e véus, anéis, moedas. E nota-se que a indumentária foi cuidada e dispendiosa, o que não condiz com a condição de mulheres desprotegidas socialmente», acrescentou.


Natalie Ferreira salientou ainda o facto de as ossadas encontradas pertencerem a mulheres órfãs, viúvas, mendigas e meretrizes, que foram tratadas com grande dignidade quando morreram, situação que, disse, «era pouco comum para pessoas desprotegidas».


Segundo a Câmara de Setúbal, o Recolhimento da Anunciada foi criado em 1745 com o objectivo de acolher as mulheres mais desfavorecidas do bairro de Troino, designadamente órfãs e viúvas de pescadores perdidos no mar, numa época em que tinham um estatuto social diminuído, sendo duplamente oprimidas, tanto pela pobreza, como por serem mulheres.


 


Reconvertidas para casarem com colonos


Tanto quanto se sabe, os Recolhimentos também acolhiam prostitutas e outras mulheres de grupos marginais, de modo a serem reconvertidas e enviadas para os vários territórios do império, para aí casarem com colonos.


De acordo com a documentação distribuída pela autarquia, o Recolhimento da Anunciada tem um «modelo arquitectónico inspirado na arquitectura conventual de raiz beneditino cisterciense, com o típico claustro, refeitório comum, capela, sala do capítulo e cozinha, existindo, também, um dormitório colectivo e pequenas casas independentes onde a recolhidas pernoitavam».


A descoberta arqueológica no antigo Recolhimento da Anunciada, na Avenida Luísa Todi, foi anunciada quinta-feira durante uma visita da presidente da Câmara de Setúbal, Maria das Dores Meira.


Fonte: (13 Mar 2009). IOL Diário: http://diario.iol.pt/sociedade/setubal-escavacoes-ossadas-mulheres-recolhimento-da-anunciada-escavacoes-arqueologicas/1049305-4071.html

Autoria e outros dados (tags, etc)

por noticiasdearqueologia às 21:51


Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Pesquisar no Blog  

calendário

Abril 2009

D S T Q Q S S
1234
567891011
12131415161718
19202122232425
2627282930